FILMES | NOTÍCIA

Superman e Capitão América | Opostos iguais dos cinemas

Superman e Capitão América possuem mensagens universais para seu público, mas nos cinemas isso pode não estar tão claro

Geraldo Campos 09 de abr. de 2021Atualizado em 09 de abr. de 2021

Tanto Superman quanto o Capitão América possuem um simbolismo e significado muito grande. Ambos são incorruptíveis, distinguem como ninguém o certo do errado, e sobretudo, são o símbolo de esperança de qualquer um. Mas será que todas essas características próprias dos personagens nos quadrinhos conseguiram ir para os cinemas? 

A identificação

Ambos dialogam muito com o público estadunidense. Superman possui as cores da bandeira norte-americana e o peso de ser o primeiro super, e o Capitão, além de contar com essas cores, possui o ‘América’ em seu nome. Ainda como bônus, por muito tempo ambos representaram aquilo que foi chamado de “American Way of Life“.

Nos cinemas, essas cores vivas que temos nas HQs da bandeira dos EUA, são um pouco mais amenizadas. Em Vingadores: Guerra Infinita, o capitão já está com a identidade de Nômade, e nem encontramos mais as cores como antes. Isso se deve pelo fato de que os princípios de Steve Rogers e os ideias do governo, já não se alinhavam mais. Desde de Capitão América: O Soldado Invernal, isso vinha acontecendo.

Entretanto, nos filmes, Rogers mantém a figura de um cara integro, que visa a manutenção do bem-estar da população e a liberdade, como símbolos de esperança. Mas o Superman? Em Homem de Aço a carga dramática de Clark é extremamente pesada, e isso se reproduz em Batman vs Superman: A Origem da Justiça

Uma imagem vale mais que mil palavras

Logo em seu filme solo, Superman destrói praticamente metade de uma metrópole, e mata seu inimigo o General Zod, quebrando se pescoço. Que símbolo de esperança temos aí? Quase que nula. Apesar de contar com personagens sombrios, a DC na sua essência é otimista, e o Superman faz essa linha de frente, que nos filmes não consegue. Sempre que representado como uma figura messiânica, isso parece ser para ele um fardo, e não uma inspiração. Já para o Capitão, ele simplesmente assume a responsabilidade de forma muito natural, e mesmo sabendo das consequências, em nenhum momento ele parece perder as esperanças. Isso fica muito evidente em Vingadores: Ultimato. Confira a imagem abaixo: 

Essa imagem define quem é o Capitão, não só no MCU, bem como em sua essência. Ele, mesmo com todos os outros Vingadores derrotados, se prontifica para lutar sozinho contra toda legião de Thanos. Repare também como a fonte de luz está logo atrás de Rogers, fazendo dele uma figura quase que endeusada, e Thanos se encontra no plano mais escuro da cena. É o contraste exato entre bem e mal, otimismo e pessimismo, certo e errado.  

Com Superman, essa figura de Deus não é só sinalizada, ela é falada, demonstrada. Confira a imagem abaixo:

Essa cena reflete muito o legado do Superman, mas ao mesmo tempo ele demonstra muito peso nisso. Na própria luta contra o Batman, não existe um contraste entre o otimismo de um e o pessimismo de outro. Superman não é salvo por levar esperança ao Batman, ele é salvo por seu desespero em imaginar que sua mãe, Martha, poderia morrer. 

Um bom exemplo de quem é o Superman está no quadrinho e animação Superman: Entre a Foice e o Martelo, em que mesmo estando em circunstância inimagináveis e de extrema delicadeza, seus princípios estão ali resguardados.

Tudo bem que eles são de universos diferentes, mas será que esse Superman seria digno da Mjolnir

O Discurso

Em Capitão América: Soldado Invernal, Rogers faz um discurso sobre liberdade que comove toda a S.H.I.E.L.D. Relembre:

É sobretudo um discurso sobre a liberdade. Ele inspira, cativa, e o Capitão mostra que não é só uma pessoa, mas uma ideia. 

Com Superman, infelizmente isso não acontece. O momento que tiveram, para dar oportunidade para o super falar, bem… acabou assim:

Durante o filme a mídia fala sobre o Superman, discuti suas ações e feitos, mas o Superman não fala.

Isso é obviamente um problema, como colocar antagonistas em combate (Superman e Batman) se você não sabe claramente em que momento eles são diferentes?

Esperança

Nessa perspectiva fica evidente que o Superman dos cinemas não consegue ser o símbolo que ele é nos quadrinhos, e que Capitão América desempenha com muita eficiência esse papel. Em Liga da Justiça, Superman, parece retomar um pouco de sua sua essência, mas seu tempo de tela é insuficiente para tal.

Veremos o que aguarda para o futuro da DC e Marvel nos cinemas, na esperança de encontrarmos nossos heróis bem representados!